17 de outubro de 2011

Viva La Revolución!

Não estranhe se esta for a primeira vez que alguém te conta isto: A Revolução Está Chegando.
Ao redor do mundo, milhares de pessoas se reuniram neste último sábado, 15 de Outubro de 2011, para reivindicar uma democracia real e justa, melhoria dos índices de desemprego, qualidade de vida e o fim da corrupção política.
Parece utópico? Mas vai dizer que você também não gostaria? ;)
Em Nova York, a crise financeira que levou muitos cidadãos ao desemprego garantiu o sucesso das manifestações e do movimento Occupy Wall Street (a famosa rua da bolsa de valores), onde os chamados "indignados" acampam a céu aberto por tempo indeterminado até que ocorram as reivindicadas mudanças.
Símbolos do movimento de ocupação, onde manifestantes literalmente dormem nas ruas e não arredam os pés.
Manifestante "V" na chuva paulista. Foto por Bruno Santos.
Cerca de 951 cidades também apoiaram as reivindicações dos nova iorquinos, e o movimento pela mudança global vem tomando força desde então. Aqui no Brasil não é novidade a insatisfação popular com a pizzaria que rola entre os partidos políticos. Mas, mesmo assim, a adesão geral de manifestantes nas nossas cidades foram menores do que os índices chilenos, por exemplo. Apesar disso e de fatores como a forte chuva dos últimos dias, impedimentos da Guarda Civil Metropolitana, desentendimentos com partidos políticos e indisposição de alguns participantes em resistir a todos estes contratempos, há manifestantes relutantes acampados em São Paulo. As últimas notícias que recebemos é que eles deverão migrar para o vão do MASP ainda hoje.

Curtiu? Quer saber como ajudar? Então confere aí o site do movimento Democracia Real no Brasil, encontre sua cidade e apoie os grupos próximos de você!

Mas se você não pode sair agora para fazer a revolução social, confere aí nossa setlist "Viva La Revolución!", com sons irados que abordam o assunto e se inspire! Afinal, como diriam os movimentos que estão explodindo por aí: Nós somos a maioria.



A HYPE Tattoo Brazil apóia a livre expressão dos indivíduos e é contra qualquer repressão que restrinja ações benéficas em prol social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opine, descubra, informe-se!